Mercado Bitcoin arrecada doações em criptomoeda para ajudar hospital contra o coronavírus

  • por

A corretora de criptomoedas Mercado Bitcoin anunciou nesta sexta-feira (27) a criação de uma carteira pública para arrecadar doações em bitcoin para o Hospital de Cirurgia de Sergipe e apoiar a entidade na luta contra o coronavírus no Estado.

A meta é arrecadar dez bitcoins, que serão usados para ajudar na ampliação do setor de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), com a abertura de dez novos leitos. Por ser uma carteira pública, qualquer um pode ver quanto foi doado.

A instituição, que fica na capital Aracaju, é uma entidade filantrópica fundada em 1926 e que atende pacientes pelo Sistema Único de Saúde (SUS). E precisa de ajuda para a ampliação de seus leitos de UTI para enfrentar a pandemia.

“Eles precisam ao menos de dez novos leitos de UTI para estar preparados. Certamente o vírus vai crescer no Estado e por isso estamos tentando fazer a nossa parte, ajudando neste momento delicado para todo o país”, explica Fabricio Tota, diretor do Mercado Bitcoin, em nota enviada à imprensa.

Balanço divulgado nesta sexta pelo Ministério da Saúde informa o registro de 3.417 casos confirmados de coronavírus no Brasil, com 92 pessoas mortas. Até o momento Sergipe contabiliza 16 casos.

O atual CEO da exchange, Reinaldo Rabelo, é natural de Aracaju e decidiu promover a campanha —mais comum em grandes centros urbanos— para ajudar a terra natal. Daí a escolha pelo local.

Convocação ao mercado

A própria corretora deu o pontapé inicial, destinando dois bitcoins à carteira pública. Ela se comprometeu também a divulgar em breve nas redes sociais o comprovante da doação. E convoca outros atores do mercado cripto e clientes a aderirem à campanha.

O endereço da carteira pública é 38zV1uySXgv4NLueuJxpXsf3sABR6VFBQs e qualquer empresa ou pessoa física que desejar contribuir, pode transferir a quantidade de bitcoins que desejar.

Caso a meta de dez bitcoins seja ultrapassada, o Mercado Bitcoin destinará as doações para outras instituições, que podem se inscrever para receber pelo e-mail social@mercadobitcoin.com.br. As informações serão avaliadas pela equipe da exchange.

A exchange, considerada a maior da América Latina, conta com cerca de 1,9 milhão de clientes.

Outras exchanges mundo afora também promovem ações em prol de causas sociais. A Binance, considerada a maior corretora de criptomoedas do mundo, conta com uma divisão voltada a esse tema, a Binance Charity. No momento ela promove uma arrecadação em prol dos países mais afetados pelo coronavírus.

Fonte: https://portaldobitcoin.com/mercado-bitcoin-arrecada-doacoes-em-criptomoeda-para-ajudar-hospital-contra-o-coronavirus/

Marcações:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 + 4 =