Youtuber culpa Fundação Ethereum após hacker invadir canal e oferecer criptomoedas de graça

famoso youtuber Felipe Castanhari culpou a Fundação Ethereum pela invasão hacker do canal “Zangado Games”. Para ele, a “empresa” foi responsável pelo ataque que oferecia criptomoedas de graça em uma live pelo canal invadido no Youtube.

Assim, em stories publicados por Felipe Castanhari nas redes sociais, o youtuber aponta para a logomarca da Ethereum no vídeo e diz que a fundação “roubou” o canal que foi invadido por hackers.

Invadido nesta última terça-feira (1) por hackers, o canal Zangado Games teve todos os vídeos deletados na plataforma. No lugar dos arquivos do youtuber uma live foi publicada divulgando um golpe que oferecia criptomoedas de graça.

Youtuber culpa Fundação Ethereum

Logo após a invasão do canal Zangado Games no Youtube, Felipe Castanhari decidiu comentar sobre o ataque dos hackers. Dono dos canais “Nostalgia” e “Mundo Mistério”, Castanhari acredita que a Fundação Ethereum seja a culpada pela invasão.

O youtuber faz um alerta sobre o golpe com criptomoedas, mas fala que uma “empresa” foi a responsável pela invasão, e não hackers. Nesse momento, o youtuber aponta para a logomarca e nome da Ethereum Foundation, que foram utilizados pelos hackers para dar credibilidade ao esquema.

“Amigos, não caiam nesse golpe que tá (sic) acontecendo direto agora. Se vocês entrarem aqui no canal do Zangado, o que é que tem? Tem uma empresa que roubou o canal do cara.”

Zangado Games invadido

O canal Zangado Games foi invadido nesta terça (1) por hackers que ofereciam criptomoedas de graça em um golpe famoso na internet. Através de uma live era prometido 5 mil unidades de Bitcoin (BTC).

Porém, para receber criptomoedas de graça o usuário deve enviar uma quantia para o endereço divulgado pelo golpe. É nesse momento que o valor é perdido, já que a fraude não envia o valor em Bitcoin prometido para as vítimas.

Com mais de 4 milhões de inscritos, o canal Zangado Games teve vídeos apagados e o nome modificado por hackers. Segundo Castanhari, o youtuber caiu em um golpe de oferta de games que resultou no acesso dos hackers ao canal no Youtube.

“No caso do Zangado rolou com código de jogo. Os caras entraram em contato por email, no caso dele aconteceu por causa do jogo Cyberpunk 2077. E eles falam ‘a gente (sic) quer dá um acesso antecipado ao Cyberpunk para você poder jogar e fazer sua live’, só que aí vem a ‘pegadinha’.

Eles não dão o código para o jogo. Eles falam para você instalar um programa no seu computador. Então eles enganam (as vítimas) falando que você vai jogar o jogo do servidor deles, é por isso que precisa de instalar esse programa, quando, na verdade, é um golpe.”

Fundação Ethereum

O programador de contratos inteligentes na rede Ethereum, Daniel Marques, explica que a Fundação Ethereum não pode ser responsabilizada pelo ataque hacker contra o canal do Zangado Games no Youtube.

Segundo o programador, “ela é apenas uma fundação que possui uma blockhain”. Ele explica como a fundação é organizada e ao comentar a acusação do youtuber Felipe Castanhari, Marques afirma que a Fundação Ethereum “não tem nada a ver com isso”.

“Ele deixa a entender que o responsável pelo ataque foi a Ethereum Foundation. Mas, não é verdade, porque ela é apenas uma fundação que possui uma blockchain, a Ethereum. Na verdade, a Ethereum é uma blockchain que fornece uma estrutura necessária para construir aplicativos descentralizados através de smart contracts.”

Fonte: https://cointelegraph.com.br/news/youtuber-blames-ethereum-foundation-after-hacker-broke-into-channel-and-offered-free-cryptocurrencies

Marcações:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove + 15 =