Polícia prende quadrilha que operava a ‘Investimento Bitcoin’, a pirâmide financeira divulgada pela TV Record e Band

Apontada como pirâmide financeira, a “Investimento Bitcoin” esteve envolvida em uma recente operação policial que cumpriu oito mandados de prisão, segundo o G1. Além de investimentos em criptomoedas, os criminosos criaram também o site 123Importados, acusado de fraude na internet através de um e-commerce.

.Os presos na operação policial foram detidos por lesarem consumidores utilizando uma plataforma e-commerce. Além do site, os acusados também possuem envolvimento com a “Investimento Bitcoin”, mas são investigados pela atuação na plataforma 123Importados.

A “Investimento Bitcoin” é apontada como uma pirâmide financeira que oferecia lucros de até 210% ao mês. Amplamente divulgada na televisão aberta brasileira, o esquema pagou propagandas na Record e Band, onde famosos divulgaram a fraude que lesou milhares de investidores.

Quadrilha 123Importados é presa em casa de luxo

A operação policial que investiga a 123Importados prendeu parte dos integrantes da quadrilha em um imóvel de luxo. Avaliada em R$ 3 milhões, a mansão em Jaú – SP foi comprada com o dinheiro de vítimas do esquema.

No total, oito mandados de prisão foram expedidos para envolvidos com o site que vendia produtos eletrônicos abaixo de preço de mercado. Além dos mandados de prisão, outros 12 mandados de busca e apreensão fizeram parte da operação da Polícia Civil.

De acordo com investigação sobre o site da importadora, os acusados de aplicarem o golpe compraram um carro de luxo de R$ 800.000, com o dinheiro das vítimas. O veículo luxuoso foi apreendido, assim como itens em uma loja física de pneus que também pertencia a quadrilha, localizada em Jaú – SP.

Os detidos pela operação policialforam encaminhados para o Departamento Estadual de Investigações criminais (Deic). Além disso, outros envolvidos no esquema são considerados foragidos pelas autoridades.

Segundo entrevista do delegado Fabiano Barbeiro, a operação policial visou recolher bens da quadrilha que podem ser utilizados para o reparo de perdas de vítimas do site. Barbeiro explica que pelo menos R$ 10 milhões foram movimentados com o golpe.

“Fizemos uma estimativa aí de algo no entorno de R$ 10 milhões, daí para mais. Obviamente que o objetivo final nosso é conseguir apreender o maior número de bens possível, móveis, imóveis, enfim. De valores, obviamente. Para que possamos aí pelos caminhos legais, tentar a reparação às vítimas.”

Com prisão temporária de cinco dias, os empresários da 123Importados e do “Investimento Bitcoin” podem ter a prisão preventiva decretada pela Justiça. O site de importados é acusado de organização criminosa, e pode ter feito 10 mil vítimas.

“Investimento Bitcoin” também fazia parte do esquema

A 123Importados é apontada como um esquema que oferecia produtos importados abaixo do preço de mercado. Após operar R$ 10 milhões em compras, a plataforma é acusada de não entregar os produtos que oferece no site.

Além do e-commerce, a quadrilha também atuava em outros golpes, sendo um deles a “Investimento Bitcoin”. Apontada como uma pirâmide financeira com criptomoedas, o esquema oferecia lucros diários que podiam acumular mais de 200% ao mês.


Empresa prometia lucro de 7.0% ao dia (Reprodução)

A ‘Investimento Bitcoin” também fez campanha publicitária na televisão brasileira, aumentando o alcance da fraude através de canais como a Band e a TV Record. Famosos divulgaram o esquema, como Rodrigo Faro, que convidava pessoas para investir no esquema.

Conforme noticiou o Cointelegraph, clientes da “Investimento Bitcoin” estão processando a empresa por saques em atraso. No entanto, os canais de televisão que divulgaram o esquema também estão sendo citados em processos judiciais.

Fonte: https://cointelegraph.com.br/news/police-arrest-gang-that-operated-investimento-bitcoin-the-financial-pyramid-released-by-tv-record-and-band

Marcações:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezesseis − 12 =