Medalla: Versão de testes do Ethereum 2.0 já está disponível

A Ethereum Foundation anunciou o lançamento de uma versão de teste de um validador para o Ethereum 2.0, o Medalla.

A plataforma foi desenvolvida ao longo de vários meses em associação com as empresas de software ConsenSys e Deep Work Studio.

Desta forma, na versão de testes, os usuários podem rastrear e começar a fazer depósitos na rede por meio de múltiplos clientes Medalla para testar os novos mecanismos de segurança da rede.

Medalla

Esta versão de teste, conforme relatado pela equipe de pesquisa no blog da Fundação, visa educar futuros validadores sobre os princípios básicos do Ethereum 2.0.

Assim, permite demonstrar seu roteiro, suas recompensas, seus riscos e responsabilidades associadas.

No Ethereum 2.0, que implementará a prova de participação (ou PoS), os usuários que depositam 32 ETHs no contrato de depósito e executam um nó para validar transações são chamados de validadores.

Em troca, eles recebem uma recompensa em ETH se mantiverem um comportamento honesto e ativo.

No caso de Medalla, por se tratar de uma versão de teste, serão feitos depósitos no GöETH, tokens nativos da rede de teste de Göerli.

Assim, 32 GöETH devem ser depositados para cada validador que o usuário desejar executar o software.

Ao contrário de usar um serviço de terceiros, a execução de seu próprio validador carrega a responsabilidade de gerenciar suas próprias chaves.

Além disso, a equipe de pesquisa da Fundação diz que deseja garantir que os validadores saibam o que fazem e por que fazem.

Teste

É importante observar que, como se trata da fase 0, as transferências entre validadores não estarão disponíveis até pelo menos o início da fase 1.

Além disso, como a transição do Ethereum 1.0 para o Ethereum 2.0 é unidirecional, as transferências feitas serão irreversíveis, ou seja, eles não podem retornar à string anterior.

Para retirar moedas para uma partição específica, será necessário esperar até a fase 2, que eles estimam que acontecerá em cerca de dois anos.

Porém, segundo a Ethereum Foundation, o Medalla é a simulação completa do Ethereum 2.0.

Assim, espera-se que ele seja o passo final antes da Serenity, a tão esperada atualização.

O Medalla, diferentemente de outras redes de teste, será adequado para todos os públicos. Qualquer pessoa interessada em usá-lo pode fazê-lo, e não apenas um pequeno grupo de desenvolvedores do Ethereum.

Fonte: https://www.criptofacil.com/medalla-versao-testes-ethereum-2-0-esta-disponivel/

Marcações:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × quatro =