Humorista Thiago Ventura tem canal invadido e usado em golpe de Bitcoin

  • por

O canal do humorista Thiago Ventura no YouTube, que possuía quase 500 mil inscritos, foi hackeado nesta quarta-feira (30).

Agora, o antigo “Canal do Bingão” está exibindo lives com o CEO da SpaceX, Elon Musk, e promovendo um golpe para tentar roubar criptomoedas.

Trata-se do mesmo golpe aplicado por hackers no ataque em massa Twitter que ocorreu em julho deste ano.

Os golpistas pedem que os usuários enviem Bitcoin e outras criptomoedas e prometem devolver uma quantidade maior.

No entanto, é apenas um golpe para roubar criptomoedas e quem envia os criptoativos não recebe nada de volta.

Golpistas pedem BTC, ETH e XRP

No momento da redação deste artigo, mais de 42 mil pessoas estavam assistindo a uma das lives do canal.

Live no canal do youtube
Live no canal do youtube

Ao clicar no link da descrição do vídeo ao vivo, o usuário é redirecionado para uma página para enviar as criptomoedas. Além disso, o endereço da página usa o nome da SpaceX para tentar enganar os usuários.

Ainda é possível escolher enviar Bitcoin, Ethereum e XRP, o token da Ripple e, em troca, os golpistas prometem devolver 5 vezes o valor enviado:

“Elon Musk, da SpaceX e da NASA, acredita que o blockchain e o Bitcoin tornarão o mundo mais justo. Para acelerar o processo de adoção em massa de criptomoedas, decidimos oferecer em doação 5000 BTC. Para participar você só precisa enviar de 0,1 BTC a 10 BTC para o endereço de contribuição e nós imediatamente enviaremos de volta 0,5 BTC a 50 BTC (x5 de volta) para o endereço de onde você enviou”, diz o site.

Até o fechamento deste artigo, o endereço para envio de BTC já havia recebido 0,11386393 BTC (quase R$ 7 mil). 

Em sua conta no Twitter, Thiago Ventura informou aos seus seguidores sobre o ataque:

Ataque semelhante ocorreu em agosto

Não é primeira vez que um canal brasileiro no YouTube é hackeado para promover golpes com criptomoedas.

Isso porque, em agosto deste ano, o canal Universo Curioso com mais de 2,43 milhões de inscritos foi invadido.

Na ocasião, o dono do canal David Damasceno explicou que havia sido vítima de um “click bait”.

Ele contou que recebeu uma proposta de uma empresa que faria uma campanha para o canal. Para isso, a empresa enviou um software para Damasceno baixar e apresentar aos seguidores.

Entretanto, quando Damasceno instalou o programa no computador ele perdeu o acesso ao canal. Assim, os hackers tomaram conta e passaram a exibir lives promovendo o golpe para roubar XRP.

Fonte: https://www.criptofacil.com/humorista-thiago-ventura-tem-canal-invadido-usado-golpe-bitcoin/

Marcações:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 + 15 =