Integração de criptomoedas ao PayPal significa que Bitcoin pode triplicar sua base de usuários

O preço do Bitcoin (BTC) atingiu novamente a marca de US$ 13.000 depois que o anúncio do PayPal de quarta-feira gerou uma forte recuperação que levou o preço a um novo recorde de 2020.

Atualmente, perto de US$ 13.100, o preço do Bitcoin subiu quase 10% desde o anúncio e o BTC está agora perto de ultrapassar o PayPal como o 21º maior ativo em capitalização de mercado.

O anúncio sobre as criptomoedas do PayPal ocorre duas semanas depois que a Square, outro gigante dos pagamentos, anunciou seu própria investimento no Bitcoin,  cerca de 1% de seus ativos estão alocados em Bitcoin.

De acordo com Lanre Jonathan Ige, pesquisador da Amun AG, a tendência de investimentos de grande porte continua e será importante para trazer interesse institucional ao Bitcoin. Ige disse:

“As empresas costumam seguir tendências e podemos esperar que várias outras empresas sigam o exemplo da Square e da Microstrategy, pois os retornos dos ativos continuam a impressionar.”

No entanto, é mais provável que as notícias recentes do PayPal tragam as massas para o Bitcoin, em vez do Bitcoin para as instituições. Isso ocorre porque o PayPal pode trazer com velocidade um público mais mainstream à criptomoeda, como um veículo de investimento agora e como um método de pagamento no futuro, que tem sido um dos principais focos da comunidade Bitcoin quando se trata de adoção em massa.

O PayPal deve aumentar a base de usuários do Bitcoin

De acordo com dados do Glassnode, o Bitcoin tem atualmente mais de 187 milhões de usuários ou “hodlers”. Embora o dado seja impressionante, o analista de criptomoedas Willy Woo observou que isso é pouco em comparação com os 487 milhões de usuários do PayPal.

Total de HODLers do Bitcoin. Fonte: Twitter

Ao adicionar o Bitcoin, o PayPal está levando esse nome para o público mainstream. Embora só seja possível comprar, vender e manter Bitcoin por meio do PayPal por enquanto, a empresa anunciou que acrescentaria pagamentos e transferências de criptomoedas em 2021. Assim que isso ocorrer, isso poderia cimentar a reputação do Bitcoin como mecanismo de pagamento e remessa.

Transações por meio do PayPal e outras plataformas centralizadas podem até mesmo se tornar uma das maneiras pelas quais o Bitcoin pode se expandir para uma base de usuários convencionais. Transações centralizadas (junto com outros métodos como sidechains e rede relâmpago) podem ser usadas para aliviar o congestionamento na blockchain do Bitcoin, permitindo que ela seja usada apenas para transações maiores que exigem mais segurança, transparência ou prova imutável de propriedade.

O Bitcoin está a caminho de superar os bancos

Embora pareça que as empresas de processamento de pagamentos e criptomoedas estão encontrando mais sinergia com o passar do tempo, o mesmo não pode ser dito para os bancos e essa luta se reflete no preço de suas ações.

Jon Erlichman, correspondente de tecnologia da BNN Bloomberg, observou que ativos como Bitcoin, Ether e ações de empresas de pagamento como PayPal e Square estavam indo muito bem este ano, mas desde a pandemia da COVID-19, as ações financeiras tiveram desempenho inferior.

Desempenho do Bitcoin e do Ether YTD. Fonte: Digital Assets Data

Até o momento, os preços do Bitcoin e do Ether tiveram uma valorização de 80,5% e 217%. Enquanto isso, o PayPal subiu 99% e a Square 186%. Bancos como JPMorgan e Bank of America, por outro lado, perderam 28% e 32%, respectivamente. O Citigroup viu o valor de suas ações cair 46% e o Wells Fargo diminuiu 58%.

Quanto ao Bitcoin, ele continua a ser um dos ativos de melhor desempenho existentes, batendo o ouro e o S&P 500 por uma ampla margem em 2020.

Retornos os ativos macro no ano atual. Fonte: Skew.com

À medida em que um número crescente de pessoas interage com o Bitcoin como um veículo de investimento, é possível que os consumidores voltem as costas aos bancos e invistam em criptomoedas.

De acordo com especialistas, o Bitcoin pode até mesmo se beneficiar do que alguns chamam de “efeito Robinhood”, um fenômeno em que investidores de varejo com renda disponível compram um ativo por meio de plataformas de investimento gamificadas e gratuitas para evitar os labirintos frequentemente associado aos bancos.

Se isso acontecer com o BTC, o ativo digital poderá ver o mesmo tipo de frenesi hiperbólico de investimento que ocorreu quando os investidores Robinhood despejaram fundos na Tesla no início deste ano.

Fonte: https://cointelegraph.com.br/news/paypal-s-crypto-integration-means-bitcoin-could-triple-its-user-base

Marcações:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 + doze =