‘Perdi a oportunidade de comprar Bitcoin a US$ 150, hoje me arrependo de não ter comprado’ revela analista certificado pela CVM

A recente alta no preço do Bitcon que levou a principal criptomoeda do mercado a passar deUS$ 18 mil, têm revelado histórias interessantes sobre o criptoativo no Brasil.

Uma delas é do CEO do TradersClub, Pedro Albuquerque, que também é gestor do Fundo Cosmos e analista de investimentos certificado e autorizado pela Comissão de Valores Mobiliários, CVM.

Em videoconferência realizada recentemente pela holding QR Capital, Albuquerque revelou que conheceu o BTC quando ele ainda estava sendo negociado a US$ 150, mas perdeu a oportunidade de comprar a criptomoeda.

“Na primeira vez que eu me interessei, o bitcoin estava a US$ 150, mas era difícil de comprar na época. Hoje, é bem mais fácil. Foi uma alta mastodôntica (em 2017), uma das coisas que eu perdi e que me marcou”, contou.

Bitcoin

Albuquerque, revelou ainda que vê o Bitcoin como um ativo em franca evolução.

“Agora, entendo melhor sobre o assunto e não poderia deixar passar. Entrei assim que bateu US$ 10 mil. E ainda acho que comprei pouco, bate aquela dor de trader”, completou.

Albuquerque, citando referências como Paul Tudor Jones e outros gestores, afirmou que o bitcoin ainda segue um caminho de valorização intensa.

“É só ver o que está acontecendo no mercado. Grandes gestores comprando, muito mais investidores institucionais entrando. Isso é um sinal. Não vejo o bitcoin parando, vai dar euforia de novo. Acho que pode bater 30% do market cap do ouro”, disse.

QR Asset

Em outubro, a QR Asset Management, gestora de recursos da QR Capital, lançou o QR BTC MAX, primeiro fundo maximalista de bitcoin do Brasil, modelo de fundos muito comum no exterior.

Albuquerque é investidor de um dos equivalentes americanos do QR BTC MAX, o GBTC, o fundo da GrayScale, que tem mais de 500 mil bitcoins sob gestão.

“Escolhi o fundo por falta de tempo, até hoje não tenho conta em exchange. Estava com medo de subir do nada e fui no que era mais cômodo e mais fácil. Foi por pressa mesmo, e eu tava certo, se fosse passar todo o processo de abrir conta em exchange teria perdido a alta”, finalizou.

Fonte: ‘Perdi a oportunidade de comprar Bitcoin a US$ 150, hoje me arrependo de não ter comprado’ revela analista certificado pela CVM (cointelegraph.com.br)
Marcações:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um + 7 =