NiceHash devolve R$ 545 milhões em Bitcoin roubados em hack

  • por

NiceHash, empresa de mineração de Bitcoin e de outras criptomoedas, anunciou que devolveu com sucesso os 4.640 Bitcoins roubados no hack ocorrido em 2017 aos usuários lesados.

De acordo com um comunicado redigidos pelo CEO da empresa, Martin Skorjanc, o reembolso das criptomoedas furtadas foi concluído na quinta-feira (16):

“Em 16 de dezembro de 2020, pudemos reembolsar totalmente todos os usuários afetados pela violação de segurança em dezembro de 2017. Na época, nossa empresa foi vítima do maior roubo da história da Eslovênia. Criminosos ainda desconhecidos roubaram 4.640 Bitcoin de nossos usuários”, disse o CEO no comunicado.

Empresa disse ter renunciado aos lucros

Conforme explicou Skorjanc, na época, os BTC roubados na violação valiam US$ 55 milhões. Hoje, com a valorização exponencial do ativo, o montante supera os US$ 106 milhões. Ou seja, mais de R$ 545 milhões na cotação em reais.

Ainda segundo a carta aberta do CEO, nos últimos três anos, a NiceHash renunciou aos lucros para reembolsar os clientes.

Assim, segundo Skorjanc, a empresa transferiu todas as quantias de que não precisava para sobreviver para as contas dos usuários que perderam seus BTC.

“Mas não nos arrependemos, pois anuncia o início de uma nova era de crescimento e desenvolvimento para nós. Não devemos mais nada a ninguém. Liquidamos totalmente todas as obrigações fiscais e 4.640 bitcoins estão novamente nas contas de nossos usuários. Nós somos livres!”, comemorou o CEO.

Sobre o hack da NiceHash 

Como mencionado, o ataque à plataforma da NiceHash, ocorrido no dia 6 de dezembro de 2017, deixou um prejuízo milionários para os usuários da plataforma de mineração.

Como noticiou o CriptoFácil na época, após anunciar o ataque, a empresa paralisou as operações e saques.

Além disso, o hack comprometeu o serviço de pagamentos e resultou na perda de mais de 4.600 BTC. Embora a empresa tenha conseguido reembolsar os clientes afetados, até hoje os autores do hack não foram identificados.

Mt. Gox também planeja devolver BTC roubados

A Mt. Gox, outra empresa atingida por uma violação que resultou em um roubo milionário de Bitcoins, também anunciou planos para devolver os BTC aos usuários.

Como informou o CriptoFácil, o administrador do plano de recuperação da empresa, Nobuaki Kobayashi, apresentou um projeto para reembolsar os clientes.

A japonesa Mt. Gox já foi uma das principais exchanges do mercado até ser hackeada e perder cerca de 850 mil Bitcoins.

Fonte: https://www.criptofacil.com/nicehash-devolve-545-milhoes-em-bitcoin-roubados-em-hack/?utm_source=dlvr.it&utm_medium=social&utm_campaign=facebook

Marcações:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × cinco =